BLOG

Uma polêmica chamada ”Fipronil”

O uso de agrotóxicos para o controle de pragas de grãos tornou-se central no Brasil, onde a o Valor Bruto da Produção agropecuária (VBP) deve atingir um recorde de 1,173 trilhão em 2021. O país se destaca na produção agrícola há muito tempo, mas os constantes incentivos à produção de milho, soja, laranja, cana-deaçúcar e outros itens essenciais da nossa mesa promoveu o aumento na utilização de inseticidas no controle de plantas daninhas e insetos alvo. Um exemplo? O fipronil.

O fipronil é um inseticida de amplo espectro que danifica o sistema nervoso central do inseto. Alguns dos efeitos mais comuns é a super-excitação dos músculos e nervos dos animais contaminados, levando-os à morte. Por ter ação lenta, possibilita seu uso como isca para que infecte as colônias dos insetos combatidos. A ação desse inseticida tem eficácia de 95% contra baratas, formigas e até vespas. Contudo, pode afetar organismos não alvo no ecossistema como um todo. As abelhas, que nem chegam perto das lavouras, são um dos grupos mais afetados.

“O fipronil é uma molécula excelente para o controle de pragas, mas estudos mais recentes mostraram que a substância afeta outros insetos que não deveriam estar no foco da dedetização – como abelhas”, explica Matheus Valério, gerente de desenvolvimento de novos negócios em controle de pragas urbanas na Detecta. A folha da planta pulverizada absorve o fipronil, contaminando a seiva. Quando as abelhas sugam o néctar das flores dessas plantas, levam o composto tóxico para a colônia.

Evitar a exterminação das abelhas não é apenas uma questão ecologicamente correta. Esses insetos têm uma importância indiscutível no processo de polinização para produção de alimentos. Sua eliminação impensada pode levar a grandes perdas, baixa qualidade das colheitas e qualidade duvidosa dos grãos.

Em 2019, uma estimativa da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) converteu para reais a perda média em grãos. Em apenas uma safra, país perde aproximadamente R$2bilhões, problema associado em grande parte às deficiências no armazenamento. Prejudicar a cadeia produtiva natural não parece uma boa ideia…

A Detecta preocupa-se com questões atuais e pertinentes como essa. Utilizamos produtos modernos e eficientes com respeito ao equilíbrio ambiental.

Entre em contato com a Detecta e saiba mais sobre nossas condições! Temos uma equipe especializada em controle de pragas urbanas e uma gama de serviços que atendem à sua necessidade.

Telefone: (19) 3268-6200

WhatsApp (19) 3245-0723

E-mail: contato@detecta.com.br